terça-feira, 10 de abril de 2012

Estupro dentro da cadeia de Sumé-PB: filhas de apenado acusam agentes e policial

terça-feira, 10 de abril de 2012

Estupro dentro da cadeia de Sumé-PB: filhas de apenado acusam agentes e policialUma grave denúncia eclodiu na manhã desta terça-feira (10) na cidade de Sumé-PB, no Cariri Paraibano. Duas filhas de um apenado da cadeia pública do município, conhecido por Beto Barbosa, denunciaram que foram vítimas de estupro praticado supostamente por dois agentes penitenciários e um policial militar.

Segundo as jovens irmãs, uma de 18 anos, que está grávida, e outra de 17 anos, um dos agentes teria agarrado a menor e o outro colega ficou apenas olhando sem nada fazer. Enquanto isso, o policial militar teria levado a jovem de 18 anos para a sala do diretor da cadeia pública e tentado agarrá-la a força.

O fato teria ocorrido na noite da última terça-feira (3). Os dois agentes penitenciários denunciados já foram identificados; um deles é acusado diretamente de agarrar a força a menor e o outro teria ficado olhando. Elas também acusaram um PM de envolvimento no caso. Eles são de Pernambuco e teriam assumido as atividades em Sumé há pouco tempo.

Segundo Alberto Limonta, chefe da cadeia, uma das jovens já foi ouvida e o processo já está nas mãos do Secretário de Segurança do Estado e do promotor de Justiça.



Da Redação do Mari Fuxico
Com De Olho no Cariri

O conteúdo deste Blog é protegido. A cópia do conteúdo está autorizada desde que seja citada a fonte. O Plágio é crime e está previsto na lei N° 9610 sobre direitos autorais.