quinta-feira, 24 de abril de 2014

Luiz Couto integra comitiva que representa Congresso na missa de canonização de Anchieta

quinta-feira, 24 de abril de 2014


Luiz Couto integra comitiva que representa Congresso na missa de canonização de Anchieta
O deputado federal Luiz Couto (PT) está em Roma (Itália). Ele e mais dois parlamentares brasileiros representarão o Congresso Nacional na missa em Ação de Graças pela canonização do padre José de Anchieta. Couto, que é vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Tráfico de Pessoas no Brasil, quer aproveitar a oportunidade para tratar com o papa Francisco sobre esse tipo de crime, que vem sendo abordado na Campanha da Fraternidade deste ano.


A missa em Ação de Graças pela canonização do padre José de Anchieta, que será celebrada no Vaticano pelo papa Francisco na Igreja de Santo Inácio de Loyola, nesta quinta-feira (24), às 18h (14h no horário de Brasília). 



A Campanha da Fraternidade tem como tema ‘Fraternidade e Tráfico Humano’ e lema ‘É para liberdade que Cristo nos libertou (Gl 5,1).



O vice-presidente Michel Temer,a pedido da presidenta Dilma Rousseff, vai representar o governo brasileiro na missa em homenagem à canonização do padre José de Anchieta.



Na Câmara, além da CPI do Tráfico de Pessoas, o deputado paraibano Luiz Couto é 1º vice-presidente da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) e membro da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM).



Decreto de canonização 



O papa Francisco assinou o decreto de canonização do beato José de Anchieta no dia 3 de abril. O padre nasceu em 1534, na Espanha, e quando se tornou jesuíta veio para o Brasil, em 1553, como missionário, participando da fundação da cidade de São Paulo com outros jesuítas. Chamado de “apóstolo do Brasil”, Anchieta é considerado pela Igreja um exemplo de evangelização. Foi beatificado pelo papa João Paulo II em 1980.



O processo de canonização foi aberto há mais de 400 anos e, segundo o arcebispo de São Paulo, dom Odilo Pedro Scherer, sua demora está ligada a uma “campanha de difamação”, feita contra a Ordem dos Jesuítas. Está prevista para 4 de maio, durante a 52ª Assembleia Geral da CNBB, a celebração de outra missa em ação de graças pela canonização do beato no Santuário Nacional de Aparecida, na cidade de Aparecida (SP).


Da Assessoria

Professores da UFPB aprovam indicativo de greve e fazem paralisação no próximo dia 7

Professores da UFPB aprovam indicativo de greve e fazem paralisação no próximo dia 7

Os professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) votaram em assembleia nesta quinta-feira (24), indicativo de greve sem data definida. De acordo com o presidente da Associação dos Docentes da Universidade Federal da Paraíba (ADUFPB), Ricardo Lucena, haverá uma paralisação no dia 7 de maio. Os professores pedem melhorias para a categoria.

Segundo o presidente, novas Assembleias irão acontecer no dia 13 de maio, em Areia e Bananeiras e 14, em João Pessoa.

A pauta de reivindicações dos docentes foi protocolada no Ministério da Educação no dia 26 de fevereiro segundo a Associação. Os professores reivindicam melhorias em condições de trabalho, reestruturação da carreira docente, valorização salarial de ativos e aposentados e pedem respeito à autonomia universitária.




Da Redação
com Wagner Mariano

Professores da UFPB fazem assembleia e discutem sobre greve em JP e no interior

UFPB
UFPB

Os professores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) realizam assembleia nesta quinta-feira (24) , no campus I, em João Pessoa, para discutir carreira docente, campanha salarial e proposta de greve. A reunião – da qual participam tanto os professores da Capital quanto os do campus 4, localizado nos municípios de Mamanguape e Rio Tinto – será realizada no auditório 212 do Centro de Educação (CE).

Nos campi de Areia e Bananeiras, as assembleias ocorreram na quarta-feira (23), pela manhã e à tarde. Ambas aprovaram a proposta de um “estado de mobilização permanente” (intensificação das atividades políticas e de mobilização nos campi), paralisação no dia 7 de maio (quando será realizada a Marcha a Brasília dos servidores públicos federais) e realização de nova assembleia no dia 13 de maio. Em Areia, os professores também aprovaram um indicativo de greve sem data.

Além da Adufpb (Sindicato dos Professores da UFPB), várias entidades filiadas ao Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições Federais de Ensino (Andes) estão realizando ao longo desta semana reuniões para deliberar sobre a possibilidade de greve em todo o país. As rodadas de assembleias fazem parte do calendário de atividades definido na última reunião do Setor das Instituições Federais de Ensino (Ifes) do Andes, realizada nos dias 29 e 30 de março. Uma nova reunião do Setor das Ifes será realizada no próximo sábado e domingo (26 e 27).

Reivindicações

A pauta de reivindicações dos docentes das instituições federais de ensino foi protocolada no Ministério da Educação no dia 26 de fevereiro. Quatro pontos são destaques: condições de trabalho, reestruturação da carreira docente, valorização salarial de ativos e aposentados e respeito à autonomia universitária. Entenda melhor cada um deles:

Valorização salarial

É preciso reverter a situação de achatamento dos salários dos docentes, corroídos ano a ano pela inflação. Para isso, a categoria toma como base um piso, referenciado no salário mínimo proposto pelo Dieese (R$ 2.748,22 para janeiro de 2014), gerador do restante da tabela salarial, a partir de parâmetros definidos em lei.

Reestruturação de carreira

O Governo não assegura em lei os parâmetros necessários para constituição de direitos em longo prazo. A composição remuneratória é simplesmente remetida para tabelas anexas, nas quais aparecem apenas valores nominais, sem piso, sem lógica de evolução, sem relação entre regimes de trabalho e titulações. A retribuição por titulação foi retirada do corpo do vencimento. O Governo descumpriu os prazos firmados no acordo de 2011, não enfrentou o problema da reestruturação da carreira e desrespeitou a posição de todas assembleias gerais durante a greve de 2012. Em 2013, prometeu que traria à mesa informações concretas o espaço existente para negociar com o Andes, mas protelou e se esquivou de uma resposta.

Condições de trabalho

Esse tema fez parte da pauta de várias greves localizadas realizadas ao longo do ano de 2013. O Andes-SN denunciou o quadro de dificuldades vivenciado nas Instituições Federais de Ensino por meio da publicação das duas edições da Revista Dossiê 3 – Precarização do trabalho docente I e II, que retratam o estado de abandono e precarização gerado pela expansão desordenada das IFE, por programas como o Reuni e o Pronatec, este último que introduz no ensino público federal o grau máximo de precarização da força de trabalho docente, com a figura do professor temporário horista.

Garantia de autonomia

O governo mantém o discurso da defesa da autonomia, incentivando a Andifes (Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições de Ensino Superior) a avançar na desgastada proposta de uma Lei Orgânica, mas na prática cria uma série de mecanismos por meio de decretos, portarias, instruções normativas e projetos de lei que limitam a autonomia didático-científica, administrativa e de gestão financeira e patrimonial, atestando contra o princípio da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão, para tentar abrir caminho a condutas e contratos que visam à mercantilização da educação pública e da pesquisa acadêmica. Exemplos mais recentes disso são a implantação do Reuni, das Fundações de Apoio e da Ebserh (Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares).



Do Portal Correio

Ex-prefeitos recebiam subsídios vitalícios, mesmo proibidos desde 1999; TJPB derruba benefícios

TJPB
TJ-PB
O Tribunal de Justiça da Paraíba derrubou uma lei de Boa Ventura (na região do Vale do Piancó, a 371 quilômetros de João Pessoa), que instituiu o pagamento de subsídio, mensal e vitalício, aos ex-prefeitos daquele município. O relator da matéria foi o desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque. O julgamento foi ao Pleno do TJPB nesta quarta-feira (23).
O desembargador afirmou ser desnecessária uma análise aprofundada da lei municipal de Boa Ventura, uma vez que o Supremo Tribunal Federal (STF) já  reconheceu a inconstitucionalidade do subsídio mensal e vitalício a ex-prefeitos, bem como a toda a administração pública dos estados e municípios. Ele destacou que a proibição está disposta no artigo 102, parágrafo 2º, da Constituição Federal, combinado com o artigo 28, parágrafo único, da Lei nº 9.868 de 10 de novembro de 1999.
Esse dispositivo observa que a declaração de constitucionalidade ou de inconstitucionalidade, inclusive a interpretação conforme a Constituição e a declaração parcial de inconstitucionalidade sem redução de texto, têm eficácia contra todos e efeito vinculante em relação aos órgãos do Poder Judiciário e à administração pública federal, estadual e municipal.
Incidente
Na mesma sessão, o Pleno do TJPB julgou incidente em relação ao artigo 741, do Código de Processo Civil (CPC). O relator também foi o  desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque. 
Ele afirma que se trata de um dispositivo que permite ao executado alegar a inexigibilidade do título judicial, ainda que transitado em julgado, e possui claro objetivo de harmonizar o instituto da coisa julgada como o da segurança jurídica.

A discussão foi levantada pela Primeira Câmara Cível do TJPB, nos autos da Apelação Cível interposta pelo espólio de Pedro Deocleciano Pinto e Antônio Alvarenga, contra o município de Boa Ventura. Após a apreciação do incidente de inconstitucionalidade, os autos foram remetidos ao órgão fracionário, para julgamento das matérias remanescentes.




Da Redação com Ascom/TJ-PB

Justiça condena chefe de tráfico em CG e inocenta filho de 'Fernandinho Beira Mar'

Tribunal de Justiça da Paraíba
TJ-PB
A Vara de Entorpecentes da comarca de Campina Grande absolveu o Luan Medeiros da Costa, que é filho de Luiz Fernando da Costa – o 'Fernandinho Beira-Mar', nessa quarta-feira (23), porque ele já havia sido condenado pelo mesmo processo.
“Ao réu Luan Medeiros da Costa, foi alegada pela defesa, a preliminar de litispendência (exclui o réu da sentença), pelo fato dele ter sido condenado em ação penal do mesmo fato”, esclareceu em sua sentença o juiz Edivan Rodrigues, titular da Vara de Entorpecente.
Filho de Fernandinho Beira Mar já havia sido condenado a sete anos de reclusão, em regime inicialmente fechado, por tráfico de drogas. Ele foi preso em flagrante no dia 1º de agosto de 2010. A prisão aconteceu no centro da cidade de Campina Grande, quando ele estava com 4 kg de cocaína. Participaram na época da ação, as Polícias Federal, Rodoviária Federal e Militar da Paraíba.
Luan Medeiros já deveria ter sido solto, já que no dia 18 de fevereiro deste ano, o ministro do Supremo Tribunal Federal, Celson de Mello, havia concedido o habeas corpus. “O réu está sofrendo constrangimento ilegal por parte do Superior Tribunal de Justiça em razão do excesso do prazo da prisão cautelar”, disso o ministro do STF.
O habeeas corpus que foi negado pela Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) no dia 15 de abril é relativo ao processo no qual Luan Medeiros foi excluído nessa quarta-feira.
O traficante Francisco Clemente dos Santos, conhecido como passinho, e apontado como um dos principais responsáveis por abastecer o tráfico em campina grande e região, foi julgado e condenado a 21 anos de prisão pela vara de entorpecentes de campina grande. Passinho estava preso desde 2010, juntamente com mais quatro acusados de tráfico e associação ao tráfico.


Da Redação com correio

Falta planejamento de segurança em pelo menos dez estados, aponta TCU

Falta planejamento de segurança em pelo menos dez estados, aponta TCU

Levantamento divulgado nesta quarta-feira (23) pelo Tribunal de Contas da União (TCU) informa que pelo menos dez secretarias estaduais de Segurança Pública (40% das 25 pesquisadas) não elaboram planos com diretrizes para as ações no setor.

O TCU fez o levantamento a partir de questionários enviados para as 27 secretarias de segurança pública nos estados e no Distrito Federal. Segundo o ministro José Jorge, relator do processo, dez secretarias responderam negativamente ao item que questionava se o estado elabora plano para a área.

De acordo com o tribunal, das 27 unidades da federação, somente Amapá e Mato Grosso do Sul não responderam. O tribunal informou que os questionários, preenchidos em setembro do ano passado, foram respondidos em caráter de sigilo e, por isso, não foram revelados os estados que admitiram não ter planejamento.

O relatório, elaborado pela equipe do ministro José Jorge, foi apresentado aos demais ministros e aprovado na sessão desta quarta do plenário do TCU.

O questionário também abordou aspectos como preparação de pessoal, infraestrutura tecnológica e compartilhamento de informações com outros estados.

“É evidente que nós achamos esse resultado de 40% um indicador alto [de secretarias] que não tinham planejamento, mas nós temos que confirmar se é isso mesmo ou se é mais. Porque foram as secretarias que disseram. Provavelmente, alguns estados que não têm planejamento podem ter dito que têm”, afirmou José Jorge.

Segundo o ministro, o TCU enviará aos tribunais de contas estaduais as respostas das secretarias para que os órgãos nos estados apurem se as informações prestadas podem ser confirmadas.

Propostas

No relatório, o ministro José Jorge sugeriu ao governo federal que estabeleça critérios para transferir recursos aos estados.

"O governo transfere [os recursos] sem critério. Eles transferem para quem eles querem, vamos dizer assim. Então, o que se quer é que ele [o governo] crie um critério baseado na governança, no sentido de que, quem for melhorando sua governança, recebe mais dinheiro, o que não quer dizer que quem estiver ruim na governança deixe de receber recursos. Senão, vai piorar", afirmou.

O ministro também defende a avaliação dos índices de governança porque, segundo ele, há relação entre esses indicadores e os de crimes violentos letais e intencionais.

Segundo ele, embora as causas da criminalidade sejam “diversas” e “com graus de influência variados”, o TCU verificou que nos estados onde as secretarias apresentaram melhores índices de gestão, a taxa desses crimes para cada 100 mil habitantes foi menor.

Outros resultados

Segundo o levantamento, “merecem atenção” os casos de secretarias que não realizam levantamento de necessidades de capacitação (48%), que não possuem processo formal e regular de avaliação de desempenho dos recursos humanos (56%), que não mantêm indicadores de processos atualizados (80%) e que não têm código de ética formalizado (92%).

Com base na informação apurada pelo levantamento de que 68% dos estados não compartilham informações com as demais unidades da federação, o ministro José Jorge defendeu "integração" entre as secretarias de Segurança Pública.

“Concluímos que tem de haver uma integração maior entre as secretarias estaduais e, para haver isso, inclusive com uma aprendendo com a outra, é necessário que alguém coordene isso. E só quem pode coordenar isso é o governo federal, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública”, disse Jorge.

Aspectos 'positivos'

O ministro apresentou no relatório os “aspectos positivos” que foram observados com as respostas enviadas pela secretarias estaduais de Segurança Pública.

Segundo José Jorge, 80% “alinham” os planos estratégicos com o da Secretaria Nacional de Segurança Pública, 84% oferecem serviços à sociedade por meio de um site e 100% têm infraestrutura tecnológica “adequada”.

Além disso, segundo o levantamento, 96% adotam sistemas informatizados para gerenciar ocorrências policiais e 76% participam de grupos de trabalho em nível nacional.





Da Redação
com G1

Governo do Estado oferece 20 cursos para servidores estaduais no mês de maio

Governo do Estado oferece 20 cursos para servidores estaduais no mês de maio
O Governo do Estado, por meio da Escola do Servidor Público do Estado da Paraíba (Espep), oferece 20 cursos de capacitação para os funcionários públicos estaduais, durante o mês de maio. Podem participar das capacitações todos os servidores da administração direta ou indireta, efetivos, comissionados, prestadores de serviços e estagiários.

No período da manhã, com carga horário de 50 horas, serão ofertados os cursos de Introdução ao Direito Administrativo, Informática Básica Word/Excel, Liderança e Motivação, Marketing Pessoal: foco na etiqueta no trabalho, Português, Conceitos Básicos de Pregão, Metodologia do Trabalho Científico e Formação para Secretárias. Durante a tarde serão ministrados os cursos de Capacitação em Práticas no Departamento Pessoal, Capacitação em Serviço de Nutrição e Gastronomia, Introdução a Power Point, Introdução a Qualidade no Atendimento ao Público, Formação de Instrutores, Redação Oficial, Introdução a Informática e Defesa Pessoal.

Já durante a noite serão ministrados os cursos de Capacitação em Práticas Docentes, Atendimento Pré-Hospitalar (APH), Formação de Políticas de Planejamento contra o Bullyng e Informática Básica Word/Excel.

Além da inscrição sem nenhum custo, o servidor também tem direito ao material didático, certificado de conclusão e alimentação. As aulas serão ministradas na sede da Espep, na rua Neusa de Souza Sales, s/n, em Mangabeira IV, em frente ao Detran de João Pessoa.

Para obter mais informações sobre as inscrições, o servidor pode entrar em contato com o Núcleo de Seleção e Treinamento, pelo telefone 3214-1991 ou preencher o formulário de inscrição disponível emhttp://www.paraiba.pb.gov.br/administracao/espep.



Da Secom-PB

Em SAPÉ: Viatura da PM é metralhada por homem durante abordagem na cidade

Em SAPÉ: Viatura da PM é metralhada por homem durante abordagem na cidade

Uma viatura da Polícia Militar foi metralhada no início da manhã desta quinta-feira (24) na cidade de Sapé.

De acordo com a polícia, por volta das 5 horas, a viatura fazia rondas pelo Bairro Rua Nova, quando avistou um homem em plena via pública e em atitude suspeita.

Os PMs decidiram fazer a abordagem e quando se aproximavam do desconhecido ele se virou e de repente foi logo atirando nos policiais que revidaram. Os tiros acertaram a lataria e os vidros da viatura.

Os policiais solicitaram reforço e iniciaram a perseguição ao acusado que conseguiu fugir por um matagal deixando para trás uma espingarda calibre 12 e um revólver.





Da Redação
com Paulo Cosme\Jota Carlos

SAPÉ: Homem é executado com dois tiros na cabeça e um no peito no meio da rua

SAPÉ: Homem é executado com dois tiros na cabeça e um no peito no meio da rua

A policia trabalha com a hipótese de ‘acerto de contas’ relacionado com o tráfico de drogas para explicar o assassinato de um homem identificado por Josinaldo Rodrigues do Nasciemento, 22 anos de idade e mais conhecido por ‘ Piralho. O crime aconteceu na cidade de Sapé.

De acordo com a polícia, por volta das 18 horas desta quarta-feira (23), o rapaz caminhava por uma Rua no Bairro Rua Nova quando foi abordado por dois homens de moto que não disseram nada e já chegaram atirando.

“Piralho’ foi atingido com dois tiros na cabeça e um no peito e morreu no local enquanto que os acusados fugiram.

Durante as investigações, a polícia tomou conhecimento de que Josinaldo Rodrigues sofreu uma tentativa de assassinato há cerca de uma semana e teve um irmão assassinado a poucos dias.




Da Redação
com Paulo Cosme\Jota Carlos

Ex-presidiário é executado a tiros em plena via pública na cidade de Bayeux

Ex-presidiário é executado a tiros em plena via pública na cidade de Bayeux

A polícia trabalha com a hipótese de ‘acerto de contas relacionado com o tráfico de drogas para explicar o assassinato do ex-presidiário Jamerson Ferreira da Silva, 26 anos.

De acordo com a polícia, na noite desta quarta-feira (23), ele estava no meio da rua no bairro do Mutirão, quando foi abordado por desconhecidos que já chegaram atirando.

Jamerson Ferreira foi atingido com vários disparos e morreu no local.





Da Redação
com Paulo Cosme/David Martins

Esposa de prefeito é sequestrada no Pernambuco e abandonada na Paraíba

Esposa de prefeito é sequestrada no Pernambuco e abandonada na Paraíba

A esposa do prefeito do município de Vicência, no Pernambuco, foi sequestrada nesta quarta-feira (23) e deixada abandonada na Paraíba.

A mulher foi encontrada no município de Umbuzeiro e o caso está sendo investigado pelas polícias Civil da Paraíba e Pernambuco.




Da Redação
com Paulo Cosme\Vinicíus Henriques

Sargento da PM tem carro e arma roubados em plena via pública na capital

Sargento da PM tem carro e arma roubados em plena via pública na capital

Um sargento da Polícia Militar foi vítima de um assalto na noite desta quarta-feira (23) e teve o seu carro e uma arma roubados pelos bandidos.

De acordo com a polícia por volta das 20h50, o sargento trafegava no seu carro pela Avenida Raniery Mazzile, no bairro do Cristo, quando foi abordado por dois homens de moto que já foram anunciando o assalto.

Numa ação rápida, os bandidos fugiram levando o carro do sargento, um Polo de cor preta além de uma pistola .40 com três pentes municiados.




Da Redação
com Paulo Cosme\Vinicíus Henriques

Homens são executados a tiros em duas cidades da PB; crimes foram em São Bento e em Lucena

Homens são executados a tiros em duas cidades da PB; crimes foram em São Bento e em Lucena

Duas pessoas foram executadas a tiros na noite desta quarta-feira (23) nas cidades de São Bento em Lucena.

Em São Bento, a vítima foi identificada por Jansen Gomes da Costa que foi executado a tiros em plena via pública.

Em Lucena, um homem também foi assassinado com seis tiros na comunidade conhecida por “ Carrapeta”.




Da Redação
com Paulo Cosme\Vinicíus Henriques

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Elefanta de mais de 2t quebra cerca de proteção e fica solta dentro de parque em João Pessoa

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Elefanta ficou solta na Bica
Elefanta ficou solta na Bica
A elefanta Lady, de aproximadamente 40 anos e pesando mais de duas toneladas, deu um grande susto no final da tarde desta quarta-feira (23), no Parque Arruda Câmara, mais conhecido como ‘A Bica’, em João Pessoa. Estressado, o animal destruiu parte da estrutura em que está abrigado e ficou solta andando pela vegetação.
Por medida preventiva, o parque zoobotânico foi fechado uma hora mais cedo. Uma área improvisada contendo cerca de 50 metros foi construída para abrigar a elefanta, enquanto os reparos fossem feitos no abrigo do animal.
A direção do parque nega que a destruição parcial do local foi provocada pelo estresse do animal, mas como uma forma de brincadeira, que é peculiar na espécie.
Lady no local improvisado
Foto: Lady no local improvisado
Doada por um circo europeu a Bica, o animal aguarda há dez meses um local apropriado para viver. A área que irá abrigá-la, dentro do Parque Zoobôtanico e que deveria ser entregue no final do mês de março, ainda está em construção. O espaço deverá ter mais de mil metros quadrados, além uma área de lazer com piscina.
Enquanto a área definitiva não fica pronta, a elefanta recebe todo acompanhamento das equipes de biólogos e médicos veterinários da PMJP. Quando chegou ao Parque, Lady passou por uma série de exames laboratoriais, tais como sangue, urina e fezes.
A equipe de médicos veterinários detectou um problema oftalmológico provocado pelo excesso de flashes, da época em que ela estava no Circo. Lady foi medicada e já aumentou 500 quilos com a dieta fornecida na Bica.
Lady recebe uma dieta balanceada, distribuída em cinco refeições diárias. São três refeições a base de frutas e duas refeições de capim. Além isso, três vezes por semana é ofertada uma ração concentrada de farelo de trigo e sal mineral.


Da Redação com correio

Homens roubam R$ 10 mil em jogos eletrônicos de livraria em shopping de João Pessoa

Homem que girou a câmera de segurança
Homem que girou a câmera de segurança
Três homens roubaram uma livraria dentro de um shopping, situado no bairro de Manaíra, em João Pessoa. O caso ocorreu nesta quarta-feira (23). O trio levou cerca de dez mil reais em jogos eletrônicos. A polícia procura pelos suspeitos.
As imagens do circuito de segurança da loja foram divulgadas, com exclusividade, pelo programa Cidade Alerta Paraíba, TV Correio/ Record HD, podem ajudar a prender os envolvidos.
Conforme o proprietário da livraria, que não quis ser identificado, o assalto ocorreu por volta das 11h, em horário de pouco movimento. As imagens mostram quando homens bem vestidos e aparentemente desarmados entram no estabelecimento, fazem uma vistoria no local e iniciam a ação criminosa.
“O homem de camisa rosa ficou circulando na livraria e enquanto os outros inspecionavam outra parte da loja. Eles estavam muito bem vestidos e acima de qualquer suspeita. O homem de rosa vai até a câmera e ainda gira o equipamento para não flagrar o roubo”, disse o empresário informando que eles frequentaram a livraria dias antes para observar a movimentação.
Suspeito dando cobertura
Foto: Suspeito dando cobertura
O trio levou jogos do playstation 4 equivalentes a R$ 10 mil. Os suspeitos fugiram e as câmeras do shopping registraram a hora da saída dos criminosos em um Fiat Sandero. O caso foi registrado no Distrito Integrado de Segurança Pública (Disp) de Manaíra, na Capital.

Da Redação com TV Correio

O conteúdo deste Blog é protegido. A cópia do conteúdo está autorizada desde que seja citada a fonte. O Plágio é crime e está previsto na lei N° 9610 sobre direitos autorais.